Pitch Paraná apresenta soluções para governos e cidades inteligentes
13/11/2020 - 10:24

Novas soluções para governos e cidades inteligentes foram apresentadas por startups nesta quarta-feira (11) na terceira rodada do Pitch Paraná, iniciativa do Governo do Estado que busca identificar ideias inovadoras e tecnologias inclusivas.  Foram selecionados para esta etapa os projetos 4You Benefícios, de São José dos Pinhais; Chavi Digital, de Curitiba; Profissão 4.0, de Prado Ferreira; e Guia 66, de Santa Helena. 
 

Além de participar da final do Pitch Paraná, o vencedor desta rodada, que será anunciado na próxima quarta-feira (18), será convidado pelo empresário Beto Marcelino, CEO da ICITIES, especialista em cidades inteligentes, para apresentar seu projeto a gestores públicos e prefeitos no evento Smart City Session, que acontecerá durante a Semana Paraná Inovador, em dezembro. 
 

“Acreditamos muito nessas empresas emergentes que trazem novas tecnologias para revolucionar a gestão pública e as cidades”, disse Marcelino. E adiantou que durante o evento também será lançada a carta magna, uma espécie de constituição da área de cidades inteligentes, que vem sendo construída pelo governo federal, com a participação da ICITIES.   
 

PARA EMPRESAS – O projeto 4You Benefícios é dirigido a empresas.  Trata-se de um cartão pré-pago que integra todos os benefícios corporativos em um único lugar e permite ao usuário utilizar os valores de forma flexível, segundo sua necessidade, de acordo com as leis trabalhistas. O mercado de benefícios, uma das principais ferramentas das empresas para atrair e reter talentos, é estimado pelos desenvolvedores do projeto em R$ 150 bilhões anuais. 
 

Já a solução desenvolvida pela Chavi Digital é uma fechadura inteligente que não precisa de chave. Embora existam produtos nessa área, o diferencial é que a Chavi Digital não altera a estrutura da porta, mas é acoplada a ela, o que permite, por exemplo, ser retirada de um local e utilizada em outro. O foco inicial é o mercado imobiliário, onde o gerenciamento de chaves de imóveis é muito complexo. A empresa calcula que existam 50 mil imóveis para venda e locação em Curitiba, 150 mil no Paraná e 3 milhões no Brasil.  

 

O sistema facilita a visitação do imóvel pelo interessado, sem necessidade de pegar e devolver chaves na imobiliária, e permite delimitar a data e horário de acesso, além de produzir relatórios e alertas de segurança. 

 

GOVERNO DIGITAL – Uma proposta de governo inteligente que pode ser adotada pelos municípios é o programa Profissão 4.0. Idealizado pela prefeitura de Prado Ferreira, o programa foi instituído por lei e se tornou política pública.  

 

O Profissão 4.0 é dirigido à capacitação e orientação profissional da população, de todas as idades, visando preparar as pessoas para os novos desafios tecnológicos. O programa inclui um espaço de fabricação digital, com ferramentas como impressora 3D e máquina de corte a laser para produção rápida de objetos, estimulando a inovação por meio de prototipagem em um ambiente colaborativo. E oferece cursos, oficinas, workshops de capacitação e formação profissional e visitas técnicas a empresas.  

 

O Profissão 4.0 pode ser replicado em todo o Estado e funciona dentro de bibliotecas cidadãs e telecentros. 

 

PARA O CIDADÃO – Criado por jovens universitários que deixaram suas cidades para estudar em Santa Helena, o Guia 66 é um aplicativo para divulgação de empresas, negócios e oportunidades. O APP já funciona na cidade e agora o objetivo é expandir a solução para todo o Estado, como um guia unificado, começando pelas cidades universitárias. 

 

Os desenvolvedores explicam que o aplicativo é gratuito para o usuário e pago pelas empresas anunciantes. Segundo eles, a ideia é criar um produto que funcione como um Instagram de Empresas no Paraná. 

 

PRÓXIMOS PITCHS – O Pitch Paraná é uma iniciativa da Superintendência Geral de Inovação, vinculada à Casa Civil, com o apoio da Celepar e da Superintendência de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, e a parceria da Assespro, do Sebrae e da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep). 

 

Além de Governo e Cidades Inteligentes, já foram realizados pitchs das áreas de Agronegócio e Saúde e Biotecnologia. Os próximos serão Transformação Digital e Indústria 4.0, no dia 18 de novembro, e Empreendedorismo Social, no dia 25.  

 

O melhor pitch de cada temática é classificado para a grande final, marcada para o dia 2 de dezembro. O projeto vencedor da rodada é sempre anunciado na semana seguinte. 

 

As ideias são avaliadas por uma banca composta por especialistas, mentores e investidores. Todos os projetos selecionados para as exposições públicas são apresentados por meio de live no youtube. As apresentações são abertas ao público, que também pode votar no seu projeto preferido.

 

 

 

Fonte: AEN

Últimas Notícias